Posts Tagged ‘Datavenia’

Natalia Nissen – @_natalices

“Tarra” ouvindo o programa Na Mira do Rock (da Comunitária de FW) ontem à noite e resolvi fazer uma publicidade gratuita para a Datavenia. Sábado (16) tem a 10ª edição do festival Na Mira do Rock em Frederico Westphalen e a Datavenia vai tocar ~ de novo ~. Dessa vez o festival vai acontecer na Basement, e ainda vai ter Rosa Tattooada e Excellence.

Para quem não conhece, é só colocar “Datavenia” na busca do blog e vão aparecer vários posts. A banda já abriu show do Angra em Porto Alegre, no Opinião, então vale a pena ;). E para saber mais sobre o festival, também tem bastante coisa aqui no The Backstage.

Eu acompanho o festival desde que fui morar em FW, então é só metade de toda a história que se construiu nos últimos dez anos. Mas já ouvi falar muito de como o evento começou. Além disso, as pessoas criaram um vínculo forte com as bandas que passaram pelos palcos frederiquenses e com a festa propriamente dita. Que venham mais dez anos de sucesso e rock and roll.

 

E para não deixar passar em branco, no sábado o blog também completa quatro anos. Então, se eu não escrever de novo, ficam aqui meus agradecimentos para quem nos acompanha desde 2010 (sim, tem gente!). Espero que venham outros anos mais de blog, e-mails pedindo para agendarmos shows de duplas sertanejas em pubs de FW ou pedindo orçamento para fazer gravações, e amigos que curtem nossos posts por mais esporádicos que têm sido. Apesar de não estarmos mais em FW, continuamos tocando as páginas do blog de outros lugares. Let’s rock e até sábado!

 

 

Natalia Nissen@_natalices

A banda frederiquense de heavy metal, Datavenia, fará a apresentação de abertura do show do Angra em Porto Alegre. O evento faz parte da turnê que tem participação especial de Fabio Lione e será realizado no dia 1º de agosto no Opinião. O show comemora os 20 anos do lançamento do primeiro álbum do Angra.

Formada em 2007, a Datavenia já participou de festivais em Frederico Westphalen e fez shows em Cruz Alta, Carazinho, Panambi e Chapecó. Figura carimbada aqui no The Backstage, a banda sobe ao palco do Opinião às 21 horas para tocar os clássicos do repertório já conhecido por quem acompanha os músicos.

 Image

Quando
1º de agosto, quinta-feira.

Horários
20 horas: abertura da casa
21 horas: Datavenia
22 horas: Angra

Ingressos
1º Lote: R$ 65
2º Lote: R$ 75
3º Lote: R$ 85
4º Lote: R$ 95

HotPass
R$20
* os compradores do HotPass têm direito a entrar 30 minutos antes dos portões se abrirem para os demais clientes.
* a compra do HotPass só dá acesso ao show mediante à compra do ingresso.

Pontos De Venda

Online
www.ticketbrasil.com.br
www.opiniaoingressos.com.br

Lojas
Multisom – Shopping Iguatemi, Praia de Belas, Barrashoppingsul, Moinhos, Total, Bourbon Ipiranga, Bourbon Wallig e Andradas 1001
Multisom Grande Porto Alegre – Shopping Canoas, Bourbon Novo Hamburgo e Bourbon São Leopoldo
A Place – Voluntários da Pátria, 294 – loja 150 -, fone: (51) 3213-8150
Zeppelin – Marechal Floriano, 185 – loja 209 da Galeria Luza -, fone: (51) 3224.0668
Short Fuse – Shopping Total – 2º andar, fone: (51) 30187-552

Natalia Nissen@_natiiiii

Hoje a noite acontecerá o tão esperado tributo a Ramones no Les Paul Rock Pub, em Frederico Westphalen, mas não é uma festa convencional. Nos vocais: Duda Calvin, o frontman da Tequila Baby, banda que já gravou disco com participação do próprio Marky Ramone. Na guitarra: Guilherme Busatto, vocalista e guitarrista da Datavenia. No baixo e na bateria: Maurício Donin e Gustavo Minuzzi, integrantes da Antonieta.

A banda teve pouco mais de uma semana para ensaiar as 24 músicas do repertório (Foto: Natalia Nissen)

A banda teve pouco mais de uma semana para ensaiar as 24 músicas do repertório (Foto: Natalia Nissen)

O show faz parte de uma série de tributos programados para acontecer no Les Paul Rock Pub: Nirvana, Pearl Jam, Legião Urbana, entre outros. Como os próprios membros da formação especial para o tributo definem, Ramones é uma banda que faz parte da formação musical de grande parte das pessoas que hoje fazem música em Frederico Westphalen e o Duda Calvin também representa um pouco disso.

- Há um tempo atrás existia uma trinca sagrada aqui em Frederico: Tequila Baby, Ramones e Nirvana. Tributo a Nirvana nós já fizemos, Tequila Baby fez show aqui e só faltava o tributo a Ramones. Pra quem gosta de Ramones, o Duda tem uma voz conhecida, então ficou perfeito. O Duda disse que nunca fez esse tipo de show com uma banda que não conhece, mas topou pela parceria, por já me conhecer e porque é pro Les Paul e tal. Ele disse “então vamos ver qual é que é”, explica Minuzzi.

Tocar com o líder da Tequila Baby é um desafio e uma realização pessoal e musical para os músicos daqui. Maurício lembra que Tequila Baby fazia parte do set list básico de quem queria tocar rock há uns anos. Mais nostálgico, Guilherme lembra do primeiro show ao qual assistiu. “No primeiro Rock Show que teve aqui em Frederico Westphalen eu devia ter uns nove ou dez anos idade. Acabei indo meio por acidente porque meu tio tinha um bar e ia trabalhar lá. Não sei se foi o primeiro show da Tequila Baby aqui, mas foi um dos primeiros e eu já tava lá curtindo. Aprendi a tocar guitarra por causa da Tequila, dá pra dizer que nossa primeira banda era pra tocar Tequila Baby, Ramones e Nirvana”.

A ideia foi do Minuzzi, com apoio do proprietário do pub, Crystian Graffitti. O objetivo era trazer o Duda Calvin para cantar. “O Duda tem uma banda, a Todos Somos Ramones, que faz tributo, mas falei pra ele que não tinha grana pra pagar toda a banda e ia montar uma pra tocar com ele, com pessoas de confiança” conta Minuzzi. E parece que deu certo. Assim que as férias da Tequila Baby foram confirmadas, o tributo a Ramones começou a tomar forma para acontecer em Frederico Westphalen.  A única exigência foi um vídeo para ver se a banda dava conta do recado.

O repertório teve sugestões dos músicos frederiquenses, mas a cartada final foi do Duda Calvin. 24 músicas entre clássicos e não tão conhecidas assim, e alguns bônus que a maioria de quem gosta de rock and roll já ouviu. O trabalho foi intenso, afinal, ensaiar todas as canções em pouco mais de uma semana e deixá-las afiadas para agradar ao líder e ao público não é tarefa simples. Algumas sempre estiveram na ponta da língua, outras são mais difíceis e exigiram um pouco mais de empenho dos guris. Somente o último ensaio, o de hoje, tem a presença do Duda Calvin.

Músicos frederiquenses formam a banda de tributo a Ramones ao lado de Duda Calvin (Foto: Natalia Nissen)

Músicos frederiquenses formam a banda de tributo a Ramones ao lado de Duda Calvin (Foto: Natalia Nissen)

E o resultado poderá ser conferido hoje à noite e é o público quem decide se a ideia foi boa ou um tiro no pé. O que não deixa dúvidas é que mesmo audaciosa, a iniciativa é válida e faz parte da índole dos roqueiros da cidade: gente que não tem medo de tentar o novo.

Os ingressos antecipados custam R$ 15 na Aba Store, Lugosi Rock Bazar, Posto Maranello e Sorveteria Skina. Na hora R$ 20.

Natalia Nissen@_natiiiii

O Breakout Brasil é um programa da Sony Spin. Os jurados irão selecionar cinco bandas finalistas para participar do programa e trabalhar com nomes de peso. O vencedor da grande final leva um contrato de gravação de um álbum com a Sony Music e um contrato artístico com a Day 1.

O programa é dividido em duas etapas. A primeira é online e inclui o processo de inscrição e avaliação. A segunda parte é a participação no programa, já como uma das cinco bandas finalistas. As inscrições são pelo site e terminam na sexta-feira, 14. No sábado, 15, as bandas e artistas solos terão seu material disponibilizado no site para votação pública. Os 20 mais populares e os 20 indicados pelos jurados formarão o Top 40 do Breakout Brasil; destes 40 restarão apenas 3 selecionados pelos jurados e 2 pelo público.

Os cinco finalistas serão acompanhados pelo programa e irão trabalhar com os jurados: Anna Butler, Marcello Lobatto, Dudu Marote e Edu K. O objetivo deles é encontrar artistas de talento que componham músicas próprias e tenham potencial para construir uma grande carreira musical.

A banda Datavenia já está inscrita. No sábado começa a votação do público, vamos votar e torcer pelo metal frederiquense.

Bang Your Head – Datavenia

UPDATE

A votação pública já está aberta. Entre no site e marque as estrelinhas para a Datavenia. Confirme o cadastro e pronto!

Regras de votação!

m

Natalia Nissen@_natiiiii

Na noite da última sexta-feira, 12, o Les Paul Rock Pub foi o palco da oitava edição do festival Na Mira do Rock. Quatro bandas se apresentaram enquanto fãs de rock e heavy metal lotaram a casa e curtiram uma noite intensa de festa.

Por volta das 23 horas, o organizador do evento, Luiz Carlos Nunes – Fuga –  subiu ao palco para iniciar os trabalhos. Ele agradeceu a presença das pessoas que vieram de outras cidades, como Chapecó, Crissiumal, Ijuí, Iraí e Santo Ângelo, e questionou a falta do público frederiquense que tanto diz gostar do estilo de música. “Tem gente que compra camiseta de banda pra impressionar os outros, são posers, quando há uma festa de puro rock and roll não comparecem”, destacou.

Datavenia abriu os shows da noite (Foto: Natalia Nissen/ arquivo)

Quem abriu os shows do festival foi a vencedora da seletiva do Na Mira do Rock, Datavenia, tocando por quase uma hora. No repertório covers de Metallica, Motörhead, e as músicas próprias “Bang Your Head” e “Strange Zone”.  Depois foi a vez da banda Eternal Flame (membros da Excellence e Iron Cover), de Ijuí, levar o público ao delírio, com covers de Iron Maiden e direito a roda punk e muitos agradecimentos por parte da própria banda.

Em seguida, o powertrio Rinoceronte, de Santa Maria, apresentou suas canções e mostrou que é possível fazer boa música com pegada mais pesada e letras em português. Já a Encéfalo, de Fortaleza/CE, encerrou a noite com chave de ouro. A banda lançou neste ano o disco “Slave of Pain”, com influências de Sepultura e Slayer, entre outros conhecidos nomes do metal.

A próxima edição do festival, em 2013, deve ser ainda melhor, como afirmou Fuga: quem sabe com uma atração maior, não desmerecendo as bandas daqui que estão fazendo uma grande festa.